Maringá (PR) - 22/11/2016

DRZ e Maptriz patrocinam Congresso de Cidades Digitais, que será realizado dias 24 e 25 de novembro.

Desenvolvedoras de produtos e serviços para gestão inteligente do poder público, a Maptriz - Smart City e a DRZ Geotecnologia e Consultoria estão patrocinando o 4º Congresso Paranaense Cidades Digitais, promovido pela Rede Cidade Digital (RCD) em parceria com a Prefeitura de Maringá, nos dias 24 e 25 de novembro.  "O tema do evento - "Construindo Novos Modelos de Municípios Inteligentes" - vem ao encontro da nossa missão. Por isso, entendemos a importância de patrocinar este congresso e promover a discussão, a troca de informações sobre tecnologias voltadas para atender as demandas de políticas públicas, serviços públicos, gestão de cidades", afirma o diretor-presidente da DRZ e diretor estratégico da Maptriz, Agostinho de Rezende.

O uso das Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs) para estabelecer uma rede integrada de funcionamento da sociedade é a base de atuação das duas empresas. “Desenvolvemos produtos para gestão inteligente de serviços que precisam ser aprimorados, com otimização de recursos, como: iluminação pública, arborização, tributação e controle de endemias e saúde pública. Produtos e serviços que visam, justamente, oferecer as soluções necessárias para construção de novos modelos de municípios inteligentes”, diz Rezende.

O Congresso, que será realizado em Maringá, é voltado para prefeitos, gestores, vereadores, academia e empresários. De acordo com o diretor da RDC, José Marinho, na divulgação do evento, o objetivo é facilitar o planejamento municipal, com base na utilização das TICs nas áreas de saúde, educação, agricultura e comunicações. O Congresso deve reunir participantes de 150 municípios, especialmente pequenos e médios. Na ocasião serão apresentados cases de municípios que estão utilizando as TICs na gestão pública, para o aprimoramento dos serviços públicos, e para o desenvolvimento socioeconômico.  

Também serão apresentadas as Políticas Públicas dos governos federal e estadual. Entre os participantes estarão: Participam o diretor do Departamento de Inclusão Digital do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Américo Bernardes, o diretor do Departamento de Monitoramento e Avaliação do SUS (DEMAS), do Ministério da Saúde, dr. Joaquim Costa Júnior, e o coordenador de Ciência e Tecnologia do Paraná, Evandro Razzoto. 

“A ideia é contribuir com o planejamento e, principalmente, que os municípios saibam como contar com projetos nacionais, estaduais e da iniciativa privada na área. A tecnologia deve ser vista como essencial na gestão pública e a tendência é cada vez mais gestores busquem ações neste sentido para desburocratizar serviços, tornar o atendimento ao cidadão mais rápido e eficiente, além de reduzir custos, aumentar a arrecadação e transformar as localidades mais atrativas para empresas, fomentando o desenvolvimento econômico”, diz Marinho.

MAIS NOTÍCIAS